mudar de corretora de seguros

Como faço pra mudar de seguradora? Descubra os cuidados necessários

Diversos motivos podem fazer com que você queira mudar de seguradora. Seja a busca por um serviço mais completo, por um menor valor, a insatisfação com o serviço prestado, além de diversos outros fatores.

Contudo, antes de tomar essa decisão de mudar de seguradora, você deve fazer uma avaliação dos prós e contras dessa mudança, para saber se é a decisão mais correta e quais os impactos que ela pode trazer.

Pensando nisso, elaboramos este texto para que você entenda como trocar de seguradora, tendo a certeza de que está tomando a melhor decisão. Confira!

Quando pensar em mudar de seguradora?

Existem situações em que realmente é melhor mudar de seguradora, como:

  • a busca por coberturas mais abrangentes;
  • a insatisfação com o serviço prestado pela seguradora atual.

Embora as seguradoras ofereçam coberturas parecidas, alguma pode ter o diferencial que você está procurando. Portanto, pesquise bastante antes de realizar a mudança. Compare as coberturas, os preços, a avaliação dos clientes, etc. Todas essas informações ajudarão vocâ a tomar a decisão mais racional.

Quais cuidados devem ser tomados ao trocar de seguradora?

  • o momento ideal para fazer a troca é na renovação do seguro, porém, se você mudar de seguradora com a apólice ainda vigente, a atual deverá ser cancelada;
  • entre em contato com o corretor e faça o pedido de um endosso de cancelamento, que é o documento em que constam todas as informações sobre o cancelamento e o perfil do cliente. Provavelmente você vai receber um reembolso residual;
  • você vai precisar também de toda documentação, inclusive a que diz respeito à classe de bônus do seguro que você possui agora. Ela é essencial para que você adquira descontos no novo seguro.

O bônus do seguro é uma vantagem para o cliente que não aciona a seguradora ao longo do período estabelecido para o vencimento da apólice. Seu valor pode ser descontado a partir do 2º ano, sendo pessoal e intransferível valendo, inclusive, para a nova seguradora.

Como é feita a vistoria?

Uma nova vistoria deve ser realizada. Esse serviço varia de uma seguradora para outra, já que cada uma delas segue padrões diferentes para fazer as análises de risco, afetando diretamente no valor final da apólice.

mudar de seguradora
Nova vistoria deverá ser feita ao mudar de corretora de seguros.

O que deve ser observado ao escolher a nova seguradora?

Alguns critérios são importantes e devem ser observados no momento de escolher uma nova seguradora. Veja a seguir quais são!

Compare os serviços de cada seguradora

Nem sempre o melhor preço é o mais vantajoso, por isso, compare as coberturas e os serviços adicionais de cada seguradora. Mesmo que as coberturas extras não sejam consideradas uma necessidade, elas podem ajudar bastante em casos de emergência.

Avalie a franquia

Quem tem um seguro paga um valor correspondente ao prêmio, contudo, se ocorrer o sinistro a franquia será cobrada, por isso esse fator deve ser considerado.

Então, não deixe de comparar o valor da franquia da atual e da nova seguradora, afinal uma pode ser mais vantajosa do que a outra neste quesito.

O que fazer para pagar menos no seguro?

Para tentar pagar um valor mais baixo no seu seguro, faça a cotação com várias seguradoras. Além disso, tente se beneficiar de promoções e descontos que elas possam oferecer.

Você também pode usar alguns equipamentos de segurança, fazendo com que o valor do seu seguro diminua pelo bem ser considerado mais protegido.

Se deseja mudar de seguradora, siga as nossas dicas e avalie qual será a mais vantajosa para você. O ideal é obter o melhor custo/benefício e se sentir mais tranquilo e protegido.

Quais são as suas experiências com seguros? Deixe seu comentário aqui e diga para a gente sua opinião e ideias sobre o assunto! Se tiver dúvidas, contate-nos.

Imagem de JESHOOTS.COM on Unsplash

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

E-BOOK TUDO QUE VOCÊ DEVE SABER SOBRE O SEGURO EMPRESARIAL​

Ter um seguro empresarial é indispensável. Afinal, por meio dele é possível proteger o negócio de diversos riscos que podem prejudicar as finanças e destruir todo o trabalho investido na busca do sucesso da empresa.