Casal correndo em uma rua.

Entenda como funciona o seguro de viagem e quando contratá-lo

O seguro viagem pode transformar seu passeio em uma experiência ainda mais segura e tranquila.

Portanto seja a lazer ou a negócios, viajar é sempre bom. Conhecer novos lugares, pessoas e culturas nos permite conquistar diferentes visões de mundo, além de uma importante bagagem de aprendizado. No entanto, contar com um seguro viagem pode transformar o passeio em uma experiência ainda mais segura e tranquila.

Além de funcionar como um plano de saúde temporário, o recurso garante indenização, reembolso ou prestação de serviços para diversos tipos de situações e ocorrências. Quer saber mais sobre o assunto? Então continue a leitura e entenda como funciona o seguro viagem.

Mulher dentro de um avião lendo seu contrato sobre o seguro de viagem.

Como funciona o seguro viagem?

Com certeza, você arrumou as malas com antecedência, garantiu a reserva do hotel e pesquisou sobre as melhores atrações e pontos turísticos do país ou cidade que pretende conhecer.

Em contrapartida, mesmo com organização e planejamento, é importante ter em mente que imprevistos podem ocorrer — independentemente da experiência do viajante ou do destino escolhido. Portanto nesses casos, se o passageiro não contar com um seguro viagem, as despesas decorrentes do atendimento ou da ocorrência terão que ser pagas pelo próprio usuário.

Assim sendo se o problema for grave, o custo do tratamento pode ser bem caro. Afinal, a maioria dos países não atende estrangeiros de maneira gratuita em sua rede de saúde. Dessa forma o viajante terá que pagar por consultas médicas, remédios, internações e até mesmo pelo transporte de ambulância.

Nesse contexto, contar com um seguro viagem faz toda diferença. Isso porque ele possibilita que o passageiro tenha acesso a serviços práticos, básicos e emergenciais. Além disso, o recurso também funciona para outros tipos de necessidade, como remarcação de passagem, assistência jurídica, extravio de bagagem etc.

Quais são as principais coberturas?

Os seguros de viagem são contratados de acordo com o país de destino, perfil do turista e tipo de atividade que será realizada no local durante sua permanência. Além, é claro, da complexidade do plano, que pode ir das opções básicas a um pacote mais completo.

Em contrapartida independentemente da duração ou do tipo de viagem, algumas coberturas são consideradas essenciais. Confira agora as principais delas.

Despesas médicas

No caso de doença súbita ou acidente pessoal, o seguro viagem garante a indenização de despesas médicas, hospitalares e/ou odontológicas ao segurado.

Conhecida como Despesas Médico-Hospitalares e Odontológicas (DMHO), a cobertura é assegurada tanto para deslocamentos nacionais quanto internacionais. E sua validade tem início assim que o contratado sai de sua cidade ou país de origem.

Nesse item, é importante lembrar que o valor da indenização não poderá ultrapassar o limite contratado. Por exemplo, se você contratou uma cobertura com indenização de 10 mil reais, este será o valor máximo que receberá —mesmo que o total gasto tenha excedido esse valor.

Extravio de bagagem

Uma das coberturas mais utilizadas garante a indenização do segurado no caso de extravio, roubo ou furto de bagagem. Apesar de ser uma ocorrência um tanto quanto comum, é necessário comprovar o dano sofrido ou perdido.

Cancelamento da viagem

Se por algum motivo a viagem contratada não acontecer, o passageiro pode requerer indenização das despesas não reembolsáveis, que já foram pagas. Nesse caso, podem ser incluídos gastos com passagens aéreas e hospedagem, por exemplo.

Atraso de voo

Enquanto se o problema for um atraso de voo de mais de 18 horas devido à falta de condições de pouso e decolagem, pane no avião ou greve dos funcionários do aeroporto, o segurado tem direito ao reembolso das despesas com alimentação e hospedagem.

Regresso antecipado

No caso de algum evento coberto pelo seguro, esse item garante o ressarcimento das despesas realizadas com translado de regresso do beneficiado ao local de origem da viagem ou de seu domicílio.

Assistência jurídica

Outra cobertura importante, a assistência jurídica assegura o reembolso dos custos com serviços ou honorários de advocacia ocasionados de maneira criminal ou responsabilidade civil.

Como mencionado, imprevistos, doenças ou acidentes podem acometer qualquer viajante — tanto no Brasil quanto no exterior. Por isso, é fundamental contar com o apoio e a assistência de um seguro viagem no caso de alguma emergência ou eventualidade.

Qual a diferença entre seguro viagem e assistência de viagem?

Por mais que pareçam iguais e que tenham a mesma funcionalidade, há uma diferença muito importante entre as duas situações e é preciso ter atenção no momento da contratação do serviço.

Em suma, o seguro viagem é uma modalidade em que, se ocorrer algum incidente, o segurado paga as despesas do próprio bolso e, somente quando retorna, a seguradora faz o reembolso.

Já na assistência de viagem tudo é mais simples. Assim que necessitar de algum auxílio, basta entrar em contato com a seguradora que você será redirecionado para os centros conveniados da empresa. Dessa maneira, todos os custos já ficam a cargo da seguradora, sem que você precise se preocupar.

Mas, a partir de uma resolução de 2016 criada pela Superintendência de Seguros Privados (SUSEP), ambas as modalidades se tornaram uma só, o seguro viagem. Assim, ao necessitar de assistência, o viajante vai escolher qual dos serviços utilizar: se prefere procurar a rede conveniada ou receber o reembolso ao voltar para casa.

Quais os benefícios de se contratar um seguro viagem?

Imprevistos acontecem, por mais que sua viagem esteja muito bem planejada. Portanto, para garantir a segurança e a tranquilidade desejadas, o seguro viagem é um grande aliado que deve estar entre as prioridades. Confira alguns dos principais benefícios de contratar um bom seguro viagem.

Reembolso em caso de necessidade

Em suma uma das grandes vantagens do seguro é a possibilidade de receber reembolso caso a viagem deva ser cancelada ou que a volta precise ser antecipada. Todos sabem que esses custos podem ser bem altos, mas, com o seguro viagem, é possível receber parte do valor e até mesmo a totalidade paga, dependendo do tipo de apólice escolhida.

Homem em uma ligação no celular contratando o seguro de viagem.

O seguro de viagem pode oferecer uma assistência completa

Não é somente a cobertura de eventuais despesas que está entre os benefícios do seguro. A assistência completa inclui serviços como fisioterapia, regresso sanitário, perda de documentos e até mesmo translado de corpo.

Em qualquer viagem essas despesas representariam custos bem altos, principalmente em idas para o exterior. Assim, a escolha do melhor plano precisa levar em consideração as mais variadas possibilidades.

Controle de gastos extras

Sendo assim ao comparar os valores dos planos de seguro aos custos de alguns serviços que você poderia precisar, fica claro que o primeiro é muito mais vantajoso. Os imprevistos que poderiam representar uma grande dor de cabeça e ter custos bem elevados são facilmente resolvidos e pagos pela seguradora.

Melhor custo-benefício

É só fazer as contas para ver que a contratação do seguro viagem é a melhor opção para o seu bolso. Portanto com ele, você fica livre de gastos adicionais e questões burocráticas, tudo isso com um ótimo custo-benefício.

A economia de contratar a apólice faz toda diferença, já que você terá acesso a uma grande gama de serviços por um preço bem mais baixo do que seria desembolsado. É bem mais simples e você estará em segurança e amparado caso precise dos serviços cobertos pela assistência, seja a cobertura mais básica ou mais completa.

A contratação do seguro viagem

A contratação do seguro viagem é um cuidado essencial. Você conseguirá aproveitar a sua viagem sem preocupações e, mesmo que algum incidente ocorra, é só contatar a seguradora para que tudo seja resolvido. Dessa maneira, você poderá focar no que realmente importa durante a sua viagem: o prazer e a diversão.

Antes de embarcar, que tal garantir uma experiência tranquila, segura e inesquecível? Conheça os serviços oferecidos pela LGD e contrate o melhor seguro viagem para a sua necessidade!

Quais são as principais coberturas?

Os seguros de viagem são contratados de acordo com o país de destino, perfil do turista e do tipo de atividade que será realizada no local durante sua permanência. Além, é claro, da complexidade do plano, que pode ir das opções básicas a um pacote super completo.

Entretanto, independentemente da duração ou do tipo de viagem, algumas coberturas são consideradas essenciais. Confira as principais delas.

Doutor segurando um estetoscópio.

Despesas médicas

No caso de doença súbita ou acidente pessoal, o seguro viagem garante a indenização de despesas médicas, hospitalares e/ou odontológicas ao segurado.

Conhecida como DMHO, a cobertura é assegurada tanto para deslocamentos nacionais quanto internacionais. E sua validade tem início assim que o contratado sai de sua cidade ou país de origem.

Nesse item, é importante lembrar que o valor da indenização não poderá ultrapassar o limite contratado. Por exemplo, se você contratou uma cobertura com indenização de 10 mil reais, este será o valor máximo que receberá. Mesmo que o total gasto tenha excedido esse valor.

Extravio de bagagem

Uma das coberturas mais utilizadas, esse item garante a indenização do segurado no caso de extravio, roubo ou furto de bagagem. Apesar de ser uma ocorrência um tanto quanto comum, é necessário comprovar o dano sofrido ou perdido.

Cancelamento da viagem

Se por algum motivo a viagem contratada não acontecer. O passageiro pode requerer indenização das despesas não reembolsáveis que já foram pagas. Nesse caso, podem ser incluídos gastos com transporte e hospedagem, por exemplo.

Atraso de voo

Já se o problema for um atraso de voo de mais de 18 horas devido à falta de condições de pouso e decolagem, pane no avião ou greve dos funcionários do aeroporto. Enfim, o segurado tem direito a reembolso das despesas com alimentação e hospedagem.

Regresso antecipado

Em suma, no caso de algum evento coberto pelo seguro, esse item garante o ressarcimento das despesas realizadas com translado de regresso do beneficiado ao local de origem da viagem ou de seu domicílio.

Assistência jurídica

Outra cobertura importante, a assistência jurídica assegura o reembolso dos custos com serviços ou honorários de advocacia ocasionados de maneira criminal ou responsabilidade civil.

Portanto como mencionado, imprevistos, doenças ou acidentes podem acometer qualquer viajante — tanto no Brasil quanto no exterior. Por isso, é fundamental contar com o apoio e a assistência de um seguro viagem no caso de alguma emergência ou eventualidade.

Enfim, antes de embarcar, que tal garantir uma experiência tranquila, segura e inesquecível? Entre em contato conosco e contrate o melhor seguro viagem para a sua necessidade!

Imagens: Mulher, homem, doutor.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

E-BOOK TUDO QUE VOCÊ DEVE SABER SOBRE O SEGURO EMPRESARIAL​

Ter um seguro empresarial é indispensável. Afinal, por meio dele é possível proteger o negócio de diversos riscos que podem prejudicar as finanças e destruir todo o trabalho investido na busca do sucesso da empresa.