5 erros que você não pode cometer no seu Seguro Empresarial

O seguro empresarial garante uma maior segurança para sua empresa.

É importante para qualquer empresa, independente do seu porte, adotar medidas para se manter segura e bem protegida. Portanto tendo em vista que alguns problemas e danos podem acontecer, desde os mais simples até os mais graves. Entre as principais alternativas para essa proteção, está o seguro empresarial.

Contudo, para garantir a efetivação dos serviços escolhidos e ter a certeza de que o negócio não ficará desamparado nos momentos mais difíceis, algumas condutas devem ser evitadas ao contratar esse tipo de seguro.

Se você quer saber quais são os erros mais cometidos pelos empreendedores e, assim, evitá-los, continue sua leitura!

1. Não buscar referências e indicações

É impossível ter a certeza do serviço prometido, e quem realmente vai saber do comprometimento da seguradora são os clientes atuais. Por esse motivo, antes de fechar um contrato, busque por referências e informações com esses clientes. Afinal, eles são capazes de dizer se tiveram uma boa experiência com a empresa ou se sofreram qualquer tipo de falhas no atendimento.

2. Prezar somente pelo baixo custo

É preciso ter em mente que é primordial assegurar a proteção dos interesses da companhia. Um seguro muito barato pode parecer o ideal a curto prazo, no entanto, ele pode ocasionar um prejuízo enorme no caso de sinistros. Existem duas formas de tornar o seguro menos oneroso: escolher um contrato de cobertura limitada ou procurar por empresas que ofereçam os mesmos serviços por um valor menor.

Porém, nos dois casos, essa escolha pode gerar alguns problemas. A falta de coberturas importantes deixa o negócio vulnerável a riscos frequentes. Além disso, nos casos em que há uma grande discrepância de valor entre os demais concorrentes, o contrato pode ser inapropriado ao perfil ou faltar estrutura para o atendimento, gerando eventuais perdas no caso de sinistros.

Empresario mexendo em um tablet e sorrindo.

3. Optar por coberturas dispensáveis

O seguro ideal não é aquele cheio de coberturas. Sendo assim, o melhor contrato é aquele feito associado às necessidades da empresa e que abrange todos os riscos aos quais o negócio está exposto. Sem fazer com que você pague por eventos considerados improváveis no exercício de suas operações. Contratar uma proteção que jamais será utilizada é um desperdício relevante.

4. Deixar de atualizar as coberturas

Todos os riscos inerentes às atividades e possíveis impactos no mercado em relação ao segmento devem ser contemplados no seguro contratado durante a sua vigência. Portanto, esteja atento e não deixe de compartilhar com o seu corretor todas as informações relativas a alterações em sua empresa. Sendo assim, também  procure receber dele as orientações para manter atualizado o grupo de coberturas contratadas.

5. Não contar com uma ajuda especializada

Um grande erro é deixar de pesquisar a capacidade da seguradora para atender suas necessidades. Portanto observe como a possível empresa atende seus segurados, quais são os procedimentos no momento de ter o retorno desejado, como ela se porta na hora de vulnerabilidade da empresa, entre outros.

Contar com um auxílio especializado é a melhor forma para fechar um contrato que seja realmente vantajoso e eficaz.

Adquirir um seguro empresarial vai garantir maior segurança para sua empresa. Mas para que isso aconteça, é importante não cometer os erros aqui indicados. Além disso, é essencial contar com uma consultoria especializada, que vai lhe mostrar as opções mais adequadas ao negócio. Assegurando apenas o pagamento das coberturas que realmente são necessárias para ter uma proteção efetiva.

Gostou deste conteúdo? Então, aproveite sua visita e assine agora mesmo a nossa newsletter! Dessa forma, você receberá todas as novidades em primeira mão.

Imagens: Reunião, empresario.